Lojas que aceitam bitcoin

10/10/18 Autor: admin

Conhecido pelo grande público em 2017 após a alta histórica de sua cotação, que chegou a USD 20mil, o bitcoin faz parte de uma nova realidade monetária que deve revolucionar as transações financeiras no mundo. Embora ainda não seja regulamentada em muitos países, nem pelo Banco Central brasileiro, a criptomoeda já é usada em diversas transações financeiras.
Por causa da alta cotação, o mercado de varejo trabalha com frações da moeda virtual, como se fossem centavos de bitcoin. Os comerciantes que a aceitam podem se beneficiar duplamente, pois vendem seu produto ou serviço sem desconto de taxas fiscais, além de estarem suscetíveis aos benefícios de nova alta do câmbio.

Como usar o bitcoin?

Para começar a usar o bitcoins como forma de pagamento você primeiro vai precisar de uma carteira (wallet) Bitcoin. Existem diversos aplicativos que podem ser usados para isso disponíveis na Google Play ou Apple Store. As moedas serão compradas por meio dos sites Mercado Bitcoin ou BitcoinToYou, cada uma, hoje, em outubro de 2018, está em USD 6 mil, mais ou menos, R$ 20mil.
Se você não quiser desembolsar todo esse dinheiro, terá a opção de comprar frações de bitcoin, como se fossem centavos, em vez de um bitcoin inteiro. Depois de comprar, basta transferir para a carteira digital e usar.

Onde usar o bitcoin?

Após as últimas movimentações de mercado, o bitcoin passou a ser encarado mais como um investimento e as pessoas evitam gastá-lo com tanta frequência. Entretanto, as redes de estabelecimentos que passaram a aceitar esse tipo de pagamento aumentam a cada dia. Atualmente, já são milhares de estabelecimentos que aceitam moedas virtuais, a maioria deles nos Estados Unidos e Europa.
Para saber quais são esses lugares, basta acessar o mapa interativo de estabelecimento  Coinmap.org. Já é possível comprar lanches do Subway, carros Tesla, viagens na Expedia (um dos maiores sites de viagens do mundo), fazer doações para ONGs como Save the Children, comprar equipamentos Dell, softwares da Microsoft, entre outros.
No Brasil, o grande polo do comércio da criptomoeda é Aracaju, em Sergipe, que atualmente conta com quase 50 serviços que aceitam a moeda virtual. A cidade recebeu cursos de incentivo ao uso do bitcoin por comerciantes e profissionais locais. Em Recife, o Shopping Paço Alfândega foi o primeiro do país a aceitá-la como pagamento em todas as suas lojas.
Ainda assim, a maioria das cidades que aceita esse tipo de pagamento estão no Sul e Sudeste do país. Atualmente é possível consultar quais locais aceitam esse tipo de pagamento pelo Tagcity, primeiro aplicativo a mapear comércios que recebem bitcoins no mundo, com cerca de 100 milhões de áreas mapeadas em todo o planeta.