As maiores altas e quedas da Bovespa

13/11/17 Autor: admin

A Bolsa de Valores em 2016

Investir na bolsa de valores pode ser uma forma de ganhar muito dinheiro – mas também de perder. Isso porque o mercado de ações é muito instável e é influenciada pelos acontecimentos políticos e econômicos de um país ou de uma empresa.
Por exemplo, desde o começo da Operação Lava Jato e a descoberta do envolvimento de várias empresas de capital aberto – como a Petrobras e a JBS – em escândalos de corrupção, o valor das ações dessas companhias oscilou bastante.
Em uma análise sobre o impacto econômico na Lava Jato, o jornalista João Borges escreve que, por mais traumáticas que foram as mudanças econômicas provenientes do resultado das operações de combate à corrupção, os efeitos saneadores da Lava Jato na administração do dinheiro público podem ser permanentes e levar o país a um novo crescimento econômico.
Outros fatores para a oscilação do valor de uma ação envolvem a variação de valor de uma moeda, anúncios realizados pela empresa – como o lançamento de um novo produto, a contratação ou demissão de um diretor ou a aquisição de uma nova empresa, filial ou tecnologia -, negócios fechados ou até mesmo a relação das empresas com escândalos de corrupção.
Fazendo uma análise de 2016, percebe-se que o ano foi muito bom para o mercado de ações: depois de três anos consecutivos no vermelho, a então BM&F Bovespa obteve ganhos acumulados de quase 39%.

Maiores variações

As ações brasileiras também se beneficiaram no ano. Um dos fatores foi o aumento dos preços das commodities. Também pesou a favor do mercado as mudanças no cenário político e a redução do clima de incerteza em relação à economia do país.
A maior parte dos papéis que compõem o Ibovespa fechou o ano com ganhos. No período, quem registrou a maior alta foi a Bradespar, que viu seus papéis valorizarem quase 200%. O grupo, que tem como maior ativo uma participação na Vale, foi beneficiada pela alta das commodities metálicas. A subida dos preços também impulsionou os papéis da Gerdau, da CSN, da Usiminas e da própria Vale.

Empresa

AtivoVariação em 2016

Bradespar

BRAP4199,92%

Metalúrgica Gerdau

GOAU4189,16%

CSN

CSNA3171,25%

Usiminas

USIM5164,52%

Gerdau

GGBR4

133,32%

ValeVALE5

130,69%

PetrobrasPETR4

121,94%

Banco do BrasilBBAS3

98,49%

ValeVALE3

98,24%

PetrobrasPETR3

97,67%

Apenas 9 das 58 ações que compõem o Ibovespa fecharam 2016 no vermelho. De todos os papéis, os ordinários da Embraer tiveram a maior queda no período. Desde janeiro, as ações desvalorizaram cerca de 47%.
Um dos fatores que explica o recuo das ações da companhia é a baixa do dólar, que fechou o ano em queda de 17,69%. Como a maior parte das receitas da Embraer é dolarizada, a empresa sofre toda vez em que o real se valoriza. O dólar desvalorizado também impactou o desempenho de outras exportadoras, como Fibria, Klabin e Suzano.

Empresa

AtivoVariação em 2016

Embraer

EMBR3-46,72%

Fibria

FIBR3-37,46%

Klabin

KLBN11-22,79%

Suzano

SUZB-22,37%
BRFBRFS3

-11,41%

AmbevABEV3

-4,77%

JBSJBSS3

-3,36%

RumoRUMO3

-1,60%

NaturaNATU3

-0,32%

O Ibovespa em 2017

O índice Ibovespa é um título oferecido pela B3 que funciona como um indicador do desempenho médio das cotações dos ativos de maior negociabilidade e representatividade do mercado de ações brasileiro.
É possível acompanhar no site da própria B3,  a pontuação do fechamento do índice diariamente e em todos os pregões, desde janeiro de 1998. Confira na tabela abaixo o valor mínimo e o máximo atingido pelo índice de janeiro a setembro de 2017:

 

JANFEVMARÇOABRILMAIOJUNHOJULHOAGO

SET

VALOR MÍN.

59.588,7063.992,9362.980,3762.826,2861.597,0560.761,7462.322,4066.516,23

71.923,11

VALOR MÁX.

66.190,6269,052,0266.988,8765.768,9168.684,4963.170,7365.920,3671.329,85

76.004,15

Vale também acompanhar a oscilação da bolsa em períodos críticos ou históricos do país. Em 2016, por exemplo – ano que ficou marcado pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff e por uma sucessão de novos escândalos provenientes da Operação Lava Jato – a oscilação entre o valor mínimo e máximo do índice foi muito grande em alguns meses: em janeiro, por exemplo, o mínimo foi de 37.947,47 pontos, enquanto que o máximo foi de 42.419,32 pontos. Em maio, mês que a presidente Dilma Rousseff foi afastada, o valor mínimo foi de 48.471,70 pontos e o máximo de 53.561,53 pontos.
Acompanhar esses índices mostra como é estreita a relação da economia com a política de um país. Assim, na hora de investir deve-se levar em conta não apenas os fatores intrínsecos à empresa, mas também fatores externos que possam influenciar na movimentação dos papéis.